Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
Navegar para Cima
Logon
Portal da Prefeitura de São Paulo
 

Mantenha-se Informado


Nome:*

Email:*

Celular:

- Termos de uso

Você está em: Início > Páginas > Processo-eletrônico-trará-agilidade-e-economia-anual-de-50-milhões-de-folhas-de-papel

Processo eletrônico trará agilidade e economia 50 milhões de folhas

O sistema unificará produção, edição, assinatura e trâmites de processos

A Prefeitura de São Paulo firmou um termo de cooperação com o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) que prevê a utilização gratuita do Sistema Eletrônico de Informações (SEI). O sistema possibilita a produção, edição, assinatura e o trâmite de documentos por meio de uma única ferramenta digital. Além de permitir a atuação simultânea de várias secretarias e departamentos, agilizando as análises, o SEI eliminará extravios de documentos e resultará em relevante economia de papel.

Em 2013, mais de 385 mil processos administrativos foram tramitados e autuados, gerando mais de 3,7 milhões de documentos que representam cerca de 50 milhões de folhas de papéis no ano. Somado ao custo das capas de plástico e demais insumos para os processos, os gastos estão estimados em R$ 3 milhões. A maior parte da papelada fica armazenada no arquivo municipal, demandando espaço, já que o tempo médio de tramitação é de dois anos e o número total de processos extraviados chega a 30 mil. Atualmente, não existe uma numeração única para documentos e processos, o que dificulta ainda mais a localização e consulta.


O SEI está em testes nas secretarias que compõe um Grupo de Trabalho Intersetorial (GTI), formado em agosto para estudar soluções para aplicação de processo administrativo eletrônico único na Prefeitura. Fazem parte do GTI, as secretarias de Finanças, Negócios Jurídicos, Planejamento, Orçamento e Gestão, a Procuradoria Geral do Município, Controladoria Geral do Município e a Prodam. No início de 2015, serão gerados processos administrativos eletrônicos dentro do SEI, a partir de um piloto nas áreas fiscal e de orçamento, que passarão a tramitar apenas em formato eletrônico.


Voltar